gradiente barométrico

As diferenças de pressão atmosférica, gradiente barométrico, originam deslocação de ar, a que vulgarmente denominamos de “vento”.

Quanto maior for a diferença de pressão, maior é a velocidade do vento, deslocando-se o ar sempre das altas para as baixas pressões.

Desta forma, o ar, no seu movimento horizontal, é divergente nos centros anti ciclónicos e convergente nas depressões, mas, no seu movimento vertical, é descendente nas altas pressões e ascendente nas baixas.

Entretanto, esta mobilidade atmosférica é condicionada pela força de Coriolis, devido ao movimento de rotação da Terra, e que obriga os ventos a sofrerem um desvio para a direita no Hemisfério Norte e para a esquerda no Hemisfério Sul.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s