Apoio Comunitários à Agricultura

Fundos Estruturais (fundos que possibilitam a maior aproximação entre países que têm níveis de desenvolvimento diferentes, isto é, beneficia mais os países mais pobres em detrimento dos mais ricos). Portugal foi muito prejudicado pelos últimos alargamentos em especial dos países de leste que têm níveis de rendimento ainda mais baixos do que o nosso. Por outro lado têm maiores áreas agrícolas o que possibilita receberem mais fundos. (ex: Polónia, Roménia e Bulgária).

Em 1995, existiam 15 estados membros em 2015 existem 28 estados membros.

Principais fontes dos fundos estruturais:

FEDER: Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional

FSE: Fundo Social Europeu

FEOGA: Fundo Europeu de Orientação Agrícola

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s