Fatores condicionantes da agricultura

Fatores condicionantes da agricultura

Fatores físicos ou naturais

Clima: é um dos factores que mais condiciona a produção agrícola, pela: temperatura, cujos contrastes norte-sul e oeste-este, nas médias anuais e na variação de amplitude térmica anual, condiciona não só a escolha das espécies cultivadas, mas também a regularidade e a quantidade das colheitas. Irregularidade da precipitação que, sendo a mais ou a menos do que o habitual ou, ainda, fora da sua época, pode causar a perda, pelo menos parcial, das colheitas.

Relevo: é também um factor muito relevante para a prática agrícola: pela altitude, que influencia a temperatura, condicionando a escolha das espécies a cultivar;

pelo declive, que influencia a fertilidade dos solos e limita a utilização de máquinas. Nas áreas menos acidentadas ou de planície, os solos são mais férteis, pois dá-se acumulação de materiais rochosos finos e nutrientes resultantes de materiais orgânicos, de origem animal e vegetal. Além disso, há maior facilidade de utilização de máquinas e sistemas de rega.

Fertilidade do solo: pode ser natural ou resultante da acção humana. A fertilidade natural depende do clima, do relevo e das características geológicas, sendo geralmente maior em áreas de clima com temperaturas e precipitação regulares e de relevo mais plano. A fertilidade resultante da acção humana, pela utilização de fertilizantes ou técnicas de correcção dos solos, também influencia em quantidade e qualidade.

 

recursos hídricos: a existência destes recursos é fundamental, a produção agrícola torna-se mais fácil e tem melhores resultados em áreas onde a precipitação é mais abundante e mais regular. Em áreas de menor precipitação, é necessário recorrer a sistemas de rega artificial.

Fatores humanos:

Influência histórica e social:

A influência histórica e cultural portuguesa permite compreender as atuais estruturas fundiárias, dimensão e forma das propriedades rurais. No Noroeste, a grande fragmentação da propriedade foi favorecida pelo carácter anárquico do processo de reconquista, pelo parcelamento de terras pelo clero e pela nobreza, pela elevada densidade populacional e pelos sistema de partilha de heranças,as terras eram distribuídas igualmente por todos os filho. No Sul, o predomínio de grandes propriedades está relacionado com a forma mais organizada e tardia da Reconquista, a doação de vastos domínios aos nobres e às ordens religiosas e militares e a aquisição pela burguesia de vastas propriedades da nobreza e do clero, no século XIX,

objetivo da produção: influencia a ocupação do solo, pois quando a produção se destina ao: auto consumo, as explorações são geralmente de menor dimensão e, muitas vezes, continuam a utilizar técnicas mais artesanais.

Mercado, as explorações tendem a ser de maior dimensão e mais especializadas em determinados produtos, utilizando tecnologia moderna.

Em anos mais recentes tem existido um aparecimento de uma agricultura mais amiga do ambiente e da saúde que é a agricultura biológica.

 

biol_2

políticas agrícolas: orientações e medidas legislativas, condicionam a agricultura porque: influenciam as opções dos agricultores relativamente aos produtos cultivados

regulamentam as práticas agrícolas, como a utilização de produtos químicos

criam incentivos financeiros, apoiando a modernização, etc.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s